sábado, 14 de maio de 2016

O PT me ajudou?


Bem, agora que acabou o governo, utilizei estes dias para fazer uma pequena reflexão de como todo este processo afetou minha vida.

Quando o governo do Lula começou eu tinha por volta de 30 anos. Já estava formado a mais ou menos 5 anos e estava apenas no início da caminhada pela independência financeira. Eu já havia lido o "Pai Rico, Pai Pobre" e estava ainda aprendendo o que era investir. Não tinha nenhum dinheiro na Bolsa de Valores e minha maior preocupação era ser promovido na empresa em que trabalhava. Vendo hoje, observo que muito da minha juventude foi sob a égide dos petralhas, mas analisando-se durante o tempo, vejo que não foi totalmente ruim.

Tinha algumas ideias muito ruins sobre o que era investimento e a falta de educação financeira, analisada hoje, quase 13 anos depois, me custou eu hoje não ser um milionário. Analisando-se as ações que poderia ter comprado em 2002 com a evolução que estas têm hoje em dia, acredito que poderia ter multiplicado muitas vezes o meu capital. Mas, paciência, não adianta chorar pelo leite derramado. Basta ver Pão de Açúcar, Ambev, Vale e outras.

Bem, voltando ao assunto, o interesse pelo investimento nasceu, como já falei, da leitura do Pai Rico, Pai Pobre. Na época era uma ideia fora de questão conseguir alcançar a independência financeira. Como comecei rigorosamente do zero, alcançar algo como 100 ou 200 mil reais em investimento era algo como falar-se em ir à Lua. Morava sozinho, logo, tinha que manter a casa e além disso guardar dinheiro. Uma vantagem muito grande que tive foi não pagar aluguel, já que morava numa casa própria, que havia herdado uma parte, junto com meus irmãos. Pra vocês terem uma ideia da época, a casa foi avaliada em 45 mil reais, os quais paguei junto com a namorada da época (que hoje é esposa, kkk), 30 mil reais de volta aos meus irmãos.

Segui o mantra de guardar parte do dinheiro que ganhava, o qual só não foi seguido na época do meu casamento, em que gastei para construir uma casa nova no lugar da velha, viagem de lua de mel e etc. Logo, fiquei praticamente de 2006 a 2009 apenas pagando dívidas. Após este período, começamos ao nosso período de acumulação. Eu e minha esposa somos muito frugais e conseguimos guardar até 2014, mais ou menos um terço dos nossos salários.

O governo foi economicamente bem gerido nos dois primeiros mandatos do Lula, aqui deixando de fora toda a parte da corrupção. É inegável que a obtenção do grau de investimento impulsionou muito a Bolsa e conseguimos surfar na valorização das ações.

Mas o que realmente nos ajudou foi o fomento da bolha imobiliária pelo governo. Por exemplo, em 12 anos a nossa casa valorizou-se mais de 10 vezes. A vendemos em 2012, com um grande lucro.

Este fato, mais nossa disciplina em guardar foi o que nos fez atingir a marca do 700 mil hoje, o que se não houver maiores problemas, nos levará para o primeiro milhão até 2020, com certeza.

Dessa maneira, acredito que a somatória do nosso conhecimento financeiro, obtido através do estudo de livros e sites de investimentos, mais a disciplina de guardar dinheiro por anos a fio, somado também com a bolha imobiliária, grau de investimento e juros altos do país nos ajudou bastante.

Logo, vibrei quando a Dilma caiu, por não acreditar no socialismo, mas não posso deixar de reconhecer que estes anos foram bons para o investimento.

Logo, a combinação do conhecimento, do estudo e da disciplina somado com as condições econômicas, puderam nos fazer prosperar. Vamos ver o que nos espera daqui para frente. Saúdo muito a virada à direita do governo, que possamos surfar novamente nas valorizações dos ativos decorrentes desta postura.

Grande Abraço a todos!

8 comentários:

  1. Como "não há bem que sempre dure, nem mal que nunca se acabe", tudo é relativo e passageiro nesta vida; cabe a nós, portanto, aproveitar o que há de melhor e plantar, sempre, para poder colher no futuro. Parabéns pelo estudo, pela prática do aprendizado e pela disciplina!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No início do plano real havia terrenos à venda em minha cidade no valor de 5 mil reais e que hoje valem 150 mil.
      Um salário de 2 mil era 20 salários mínimos, coisa de rico...
      Muito dessa valorização foi falsa, só espuma da inflação.
      A correção monetária de um valor de 45 mil reais de 2000 a 2016, pelo IPCA hoje daria 130 mil, e pela SELIC/CDI daria 380 mil.
      Tem que suar muito pra bater a renda fixa no Bostil...

      Excluir
  2. ABC

    Sou da geração jovem (20 anos), classe média, que estuda investimentos e que quer ter um 'cantinho' em seu nome.

    O problema (e não só meu, mas de toda essa geração minha que vem) é que ainda não temos casa (moramos com os pais), e pagar por um canto de 60 m2 algo como 350 mil não soa racional.

    O que eu ouço da galera da minha idade que 'mete o pau' nessa política de fomento ao setor imobiliário que INVIABILIZOU MILHARES DE SONHOS não tá no gibi.

    Fico contente que vc aproveitou a onda, mas essa maré de anos vai PENAR muito a geração da década de 90. Isso sem considerar todas as dificuldades de se morar nesse país de forma decente.

    Desculpa pelo desabafo, mas é a verdade...

    O governo beneficiou poucos, mas penalizou sem chance a defesa uma GERAÇÃO

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu entendo e me sinto penalizado também. Mas veja, quando um ativo entra em baixa, outro entre em alta. Se a virada à direita se manter, acredito que teremos um período longo de crescimento das ações, basta ver o que aconteceu com os períodos pós Collor e pós Lula. Se a geração de vocês tiver cabeça e não eleger mais esquerdistas acredito que temos um próspero caminho pela frente.

      Excluir
  3. Há males que vem para o bem.

    Pelo menos esse governo nós fez aumentar nosso senso de urgência, nos incomodando a cada jogada deles que fez com nos que adaptássemos a uma nova realidade de tempos em tempo.

    Valeu apena, pois agora estamos calejados para continuar crescendo nosso patrimônio mesmo em tempos de crise.

    Abraços!!

    ResponderExcluir
  4. 3 anos pagando dívidas de casamento.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade foi mais pela construção da casa.

      Excluir
  5. Eu acredito muito que enquanto uns choram outros riem, e que nosso país NUNCA esteve realmente bem. Até hoje ainda escuto algumas pessoas mais velhas dizendo que FHC acabou com o país, agora dizem que o Lula e o PT que acabaram, outros que a ditadura foi que acabou... na verdade é uma soma de fatores e erros. Um político fez uma ou outra coisa "boa" e o resto são cagadas mesmo.

    Talvez um dia o Brasil fique bem? Não sei, talvez. Só sei que até lá, uns vão rir e outros vão chorar. É assim, sempre foi assim e por muito tempo ainda será.

    ResponderExcluir